Entrevistado: Rodrigo Elger
Entrevistador: Deivison da Conceição da Silva

Entrevista com Rodrigo Elger

1. Rodrigo, quando você começou a gostar de automobilismo e quando você começou a sua carreira de piloto?
Resposta: Na verdade desde de pequeno sempre fui fascinado por carros, tinha coleção de carrinhos aonde fazia varias alterações e modificações nos carros. Sempre tive vontade de ter um buggy ou kart, mas infelizmente na época minha mãe não tinha condições, dai aos 15 anos tive a oportunidade de ter o primeiro kart e comecei a correr por robby, mas fiquei apaixonado pelo automobilismo e comecei a levar a coisa a serio.

2. Você já foi uma vitima da Falta de recursos que não permitiu que você disputasse a temporada de 2010 de Kart, fale para o público o que é ficar um ano sem correr, um ano em que não tem dinheiro para correr?
Resposta: E uma das piores situações para um piloto que tem o sonho de seguir carreira profissional, além disso já tinha feito todo planejamento do ano com treinos ,corridas etc.. e naquele ano tinha grandes chances de ser campeão na copa São Paulo light, porem tudo isso teve que ficar apenas no sonho devido a falta de verbas. Além disso um ano sem participar de competições e muito tempo e ate voltar ao ritmo leva um tempo, mesmo assim continuei treinando pelo menos uma vez por semana sozinho eu mesmo arrumando o kart.

3. Começar as 15 anos no Kart é uma desvantagem na sua carreira?
Resposta: Tive grandes dificuldades por começar tarde no kart, pois enfrentei vários pilotos com muita mais experiencia do que eu, pilotos que começaram no kart desde pequenos com 6 ou 7 anos no máximo. Então você tem muito menos tempo para aprender as coisas e leva grande desvantagem em relação aos outros pilotos menos sendo mais velho.

4. Como você vê a busca por patrocinadores para um piloto como você quando a maioria dos patrocinadores olha apenas para o Futebol, é muito difícil praticar o Automobilismo no Brasil devido a esses problemas?
Resposta: Com certeza hoje no Brasil, a mídia e totalmente focada no futebol deixando de lado vários outros esportes incluído o automobilismo. Com isso se torna muito mais difícil se conseguir um patrocínio, pois principalmente no kart o retorno de mídia e muito baixo pelo valor investido.

5. Qual são as diferenças entre um Formula jr. que tem 100 cavalos de potência e um kart que por mais rápido que seja não se compara com um monoposto?
Resposta: O kart passa uma grande noção de tudo,ele e realmente uma escola. A pilotagem em um kart pode ser muito mais agressiva e você pode arriscar mais, já no monoposto você tem que ter mais cautela. Com relação aos reflexos o kart ainda e mais rápido e se compara apenas co um F-1, pois com um kart você no final de uma reta a 125 km/h e já com um F-JR que e bem maior e a pista também e maior você chega ao final de uma reta a 180 km/h.

6. Das pistas que você já andou, qual pista você mais gostou e você poderia falar sobre cada uma das pistas e suas características?
Resposta: Para min esta sendo tudo novo na formula júnior, pois não participei de nenhum dos treinos coletivos. Então nas 3 primeiras corridas acabei conhecendo os autódromos na semana da corrida. O autódromo que eu mais gostei ate agora foi o de Taruma pois e uma pista bem rápida.

7. Ate agora, como você vê o campeonato da Formula jr. Qual a sua avaliação com o seu desempenho até agora nessas 2 primeiras corridas do ano e qual a sua expectativa para o campeonato a partir da 3ªrodada dupla?
Resposta: O meu desempenho esta razoável, por ter chego de ultima hora e não conhecer as pistas, mas ainda posso melhorar muito. (já tinha sido disputado a 3ªrodada no Velopark antes da Realização da entrevista)

8. Rodrigo, O que acha da MC tubarão, da sua equipe, você gosta da estrutura da equipe que me parece ser uma das mais bem estruturadas não só do Rio Grande do Sul, mas também por que não do Brasil, Por que fazer um protótipo não é para muitas equipes nesse país.
Resposta: A equipe MC tubarao tem uma ótima infraestrutura além de profissionais com muito conhecimento sobre automobilismo e com certeza e uma das melhores equipes.



9. De todos os pilotos na Formula Júnior, quais pilotos você considera os principais adversários na Luta pelo título?
Resposta: Victor Matzenberck, Gabriel Robe, Matheus Rouver e Lucas Alves.

10. Rodrigo, Qual seria o planejamento da sua carreira no Automobilismo, sonha Chegar a Formula 1 ou se não der para isso qual categoria você Gostaria além da Formula 1?
Resposta:O planejamento e buscar recursos para competir na F-3 no ano que vem, claro o grande de sonho e chegar a F-1, mas devido a minha idade isso e muito difícil. Outra opção também e mudar o foco no ano que vem ir para categorias de turismo visando chegar a Stock Car.

11. Como é a participação da sua Família no automobilismo, como é o apoio deles na sua carreira Tanto nas vitórias e tanto nas derrotas?
Resposta: Na verdade só sou eu e a minha mãe, e ela e como se fosse um pai e mãe e me da muito apoio tanto no momentos alegres quanto nos tristes.

12. Em uma frase, diga sobre esses assuntos.

Tarumã: Pista muito rápida e desafiante

Guaporé: Pista muito técnica

MC Tubarão: Ótima equipe muito bem organizada e preparada

Automobilismo Brasileiro: Vem melhorando porem precisa de mais investimentos

Família no Automobilismo: essencial

13. Elger, O Fato de você ser o piloto mais velho da Formula Jr. ele é um fator que ajuda ou não faz diferença em seu desempenho nas corridas?
Resposta: Não faz diferença no desempenho, pois tem pilotos mais novos com muita mais experiencia do que eu. Porem não e muito bom ser o vovô da categoria.

14. Fale um pouco sobre os seus patrocinadores que é importante falar deles que estão ajudando você na sua empreitada rumo ao sucesso no automobilismo.
Resposta: A Rede Digos de Postos, que me patrocina desde o kart e se não fosse por essa empresa seria que confia em min não estaria disputando a Formula Júnior. Agora também conto com o apoio da STP.

15. Qual é o seu ídolo no Automobilismo?
Resposta: Na verdade meu ídolo e o Ayrton Senna, mas o que mais chama atenção nele e a sua total dedicação e o trabalho.

16. Quem seria Rodrigo Elger?
Resposta: Um cara normal tímido, que tem um grande sonho e corre diariamente atrás dele.

Muito obrigado pela entrevista Rodrigo, muita sorte para você nessa temporada da Formula jr. como também na sua carreira assim como desejo boa sorte para todos os pilotos da Formula jr.

Um abraço para você.

free counters